Resumo das Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Santa Luzia D Oeste- RO 04/06/2012

                                              Estado de Rondônia
Câmara Municipal de Santa Luzia D’Oeste

Ata da décima oitava Sessão Ordinária, do Primeiro Período Legislativo, da Quarta Sessão Legislativa, da Sétima Legislatura da Câmara Municipal, realizada às dezenove horas e trinta minutos do dia quatro de junho do ano de dois mil e doze, sob a Presidência do Vereador Jose Antonio, na presença de todos os edis da casa, constatou o numero legal de quorum e invocou a proteção de Deus, solicitou do edil Nei a leitura de um trecho da Bíblia Sagrada, iniciou os trabalhos com a aprovação da Ata anterior, lida as correspondências recebidas que constou de Of. 207, 216 e 254/Prefeito; Of. 041/Semetur; Of. 272/Promotoria de Justiça; Of. 52/Deputado Federal Moreira Mendes; Convite Escola Família Agrícola/Cacoal; INDICAÇÃO Nº 28 e 29 Adão; Nº 30 Adair; Nº 31 Valdir; REQUERIMENTO Nº 66 Adão; Nº 67 Valdir. NO PEQUENO EXPEDIENTE fez uso da palavra o edil Adão manifestou sua preocupação com referencia as pendências de convênios a serem liberados ao Município, tendo oficializado o Executivo para as providencias; justificou sua proposição apresentada na pauta; questionou sobre a expansão da rede de água no município e os locais a serem instalados. O edil Gildecio saudou a todos comentou sobre os recursos liberados através da Funasa para expansão da rede de água e informou que esteve com o representante da Funasa para tratar do assunto. O edil Nandi agradeceu a presença de todos, falou da pendência dos convênios e a possível perca de recursos inclusive dos tratores das associações; lamentou a morosidade do executivo em atender os moradores com carreadores; cobrou limpeza na estrada de acesso ao Cemitério. NA ORDEM DO DIA foram aprovados todos os Requerimentos; NO GRANDE EXPEDIENTE fez uso da palavra o edil Gildecio lamentou as informações que chegam ao Prefeito de forma distorcida; criticou a falta de estrutura da Secretaria de Agricultura, que o Prefeito deve exigir dos seus secretários mais ação nas suas pastas, que não justifica a liberação de emendas parlamentares se não tem equipe para elaboração de projetos, foi aparteado pelo edil Adão. O edil Adão também lamentou a falta de equipe técnica do Prefeito para atender convênios através de emenda parlamentar; que muitas pendências devem ser sanadas com urgência; falou sobre a falta de condições da Secretaria de Agricultura; a falta de ambulância para atender a população, disse que está aguardando o Prefeito sancionar a Lei do transporte coletivo; informou sobre boatos de que os vereadores recebem por sessão extraordinária, foi aparteado pelo edil Gildecio. O edil José Wilson saudou a todos, falou sobre a Secretaria de Agricultura sem condições de trabalho inclusive com falta de orçamento, alegou que alguns secretários estão fazendo um monopólio para inviabilizar a secretaria de agricultura; disse que irá reunir com o Prefeito para uma solução, criticou os maquinários quebrados, alegou a falta de condição de trabalho, sendo viável fechar a secretaria se for o caso, foi aparteado pelo edil Nandi. O edil Pirulito saudou a todos e lamentou as conversas em botecos sobre a administração, falou de sua viagem a Cacoal em visita ao hospital regional e de sua gratificação em verificar o atendimento aos pacientes encaminhados; questionou a colocação das manilhas na Avenida Tancredo Neves; lamentou as condições da secretaria de agricultura; lamentou as emendas parlamentares que são liberadas e a falta de equipe para atender as pendências dos convênios. O edil Nei convidou a todos para as festividades da Igreja Assembléia de Deus nos próximos dias 08, 09 e 10 de junho. Os discursos na integra ficam gravados na Secretaria da Câmara, agradeceu a proteção de Deus e encerrou os trabalhos que secretariei e assina o Presidente.